terça-feira, 13 de setembro de 2011

Independência ou Morte

E quem declara independência (de novo) no mundo da música é o Jorge Vercillo. Depois de sua rápida passagem pela Sony Music com "DNA", de 2009, ele cria seu próprio selo musical, batizado de Leve, nome do mesmo disco lançado de forma independente em 2000, que rendeu ao cantor um contrato com a Emi Music, impulsionado pelo hit "Final Feliz", um dueto com Djavan que nunca desencarnou das FMs desde então.

O seu novo disco, a ser lançado logo mais, em outubro, se chamará "Como diria Blavatsky", e conterá material inédito, acrescido de um remix e uma reprise da faixa "Memória do Prazer", letra dele e da esposa Gabriela Vercillo, já presente em "DNA". A razão deste repeteco se deve ao fato da música estar em alta rotação na trilha da atual novela das nove da Globo.

Segundo distribuidores e lojistas, o último trabalho de Vercillo teve impacto menor que o esperado mostrando um compositor e intérprete enveredando por letras levemente distintas dos hits instantâneos da última década. 

Fiquem ligados, pois.

Nenhum comentário:

Postar um comentário