terça-feira, 26 de maio de 2009

Tome tenência...

Sabe o que eu sinto mais falta de escrever? Sobre tudo. Vejam este blog: Este é um veículo independente. Não estou vinculado a nenhuma instituição, publicação, ou coisa que o valha. Então, sou dono do meu próprio espaço, certo? Errado.

Tanto aqui como lá fora, devemos algumas satisfações, sim. É que no meu convívio social e profissional percebi que tem horas que é melhor mesmo fazer papel de parede e nem falar o que pensa. É possível conseguir expressar a sua essência sem se mostrar demais? Não me sinto eu mesmo se por acaso eu tiver de mudar nomes, situações e lugares para poder escoar o que eu estou pensando no momento. E acreditem, há muita reflexão passeando aqui dentro. Mas temos que ter bom senso. E guardar certos pensamentos para nós mesmos. Eles podem ser úteis nos momentos em que nos forem necessários. Aliás, "Bom senso" é um valor íntimo, pessoal e um tanto quanto relativo, pois o que para mim pode ser sensato para você é uma tremenda incoerência.

Aliás, quer incoerência maior que recomendar a alguém que "tenha bom senso"?

Afinal, o que é ter bom senso mesmo?

Nenhum comentário:

Postar um comentário